actos

o que se vê, é o que se vê

living

entre a razão e o sonho, ergue-se um instrumento de apropriação de imagens soltas. as que procuram (cada vez melhor) a reconfiguração do espaço.

o acto criativo não só tem que representar o mundo (ou reinventa-lo) mas, sobretudo, transformá-lo.

Anúncios