a poesia experimental portuguesa em processo

– a experiência adquirida nos já muitos projectos experimentais levou-nos – sempre – em demanda de uma outra realidade estética onde a palavra rima com sonoridade… as letras do alfabeto substituem claves, mínimas, semínimas, colcheias… o corpo do actor adquire o significado que lhe atribuem a sua vibração, movimento…
buscamos certa harmonia… mesmo quando pela destruição levados pelo impulso poético.

(sobre as acções de mandrágora)

o novo espectáculo de mandrágora contempla a poesia experimental portuguesa

Anúncios